quinta-feira, 22 de abril de 2010



Se for para existir guerra que seja de travesseiro. Se for para existir fome, que seja de amor. Se for para esquentar, que seja o sol. Se for para enganar, que seja o estômago. Se for para chorar, que seja de alegria. Se for para mentir, que seja a idade. Se for para roubar, que seja um beijo. Se for para perder, que seja o medo. Se for para cair, que seja na gandaia. Se for para ser feliz, que seja o tempo todo.

7 comentários:

  1. Não consegui ler só essa postagem.
    Tudo escrito maravilhosamente bem.

    Quero ser assim quando eu crescer...

    ResponderExcluir
  2. Bonito texto...

    www.distracaodigital.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Roubar beijo é bom, coisa de traficante de flores.

    abç
    Pobre Esponja

    ResponderExcluir
  4. Adorei o texto! Apoio as suas palavras totalmente.

    ResponderExcluir